quinta-feira, 30 de setembro de 2010

O outono!


A nossa rua começou a mudar de paisagem!


A escola do Rica já está decorada para o Halloween!


O outono já chegou por aqui e realmente a paisagem está ficando maravilhosa! As árvores estão coloridas, mudando aos poucos as cores para o vermelho, algumas amarelas, várias folhas caídas no chão, parece filme! Aqui realmente as estações são bem definidas e sentimos a mudança no dia-a-dia! A garderie do Rica já está decorada para o Halloween e cada vez que chegamos lá, ele dá uma paradinha para olhar a janela decorada, ele acha o máximo!

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Québec de mulher para mulher!


Bom, este post é mais voltado às mulheres, pois somos nós que temos que nos adaptar à nova vida aqui no Canadá sem as regalias que tínhamos no Brasil, como manicure toda semana, salão para fazer reflexo no cabelo, uma escova decente....sem contar que aqui nossa vida social é bem restrita (estou falando da minha, em particular) então de uma forma ou de outra temos que encontrar uma solução e estarmos dispostas a nos arrumar em casa mesmo, tentando fazer tudo sozinhas!

Com relação à manicure, no Brasil eu jamais consegui fazer minhas unhas sozinha, para mim era uma tarefa praticamente impossível por uma questão mesmo de coordenação motora...admirava mesmo quem conseguia fazer a mão direita...antes de vir pra cá preparei um kit faça vc. mesma, com um estoque enorme de esmaltes (ainda bem, pois aqui esmalte é caro, nada de risqué ou colorama de 2 reais não) e quando cheguei aqui comecei o treino bem de leve, naqueles dias em que não estava com pressa eu fazia as unhas, as primeiras foram bem precárias, mas a medida em que ia pegando a prática descobri que posso dar conta do recado sozinha, lógico que não dá para exigir muito no quesito tirar cutículas, pois neste aí ainda sou amadora, mas para pintar até que dá para dar uma enganada!

No verão eu estava bem empolgada, fazia as unhas toda semana, mas agora com este friozinho e chuva e a correria com a faculdade, estou mais preguiçosa!

Com relação aos cabelos, cheguei à Québec linda e loira, com cabelão compridão com reflexo de salão. ....massss, após 2 meses aqui, meu cabelo que cresce igual mato, já estava com uma raiz indecente, uma mistura de castanho e alguns novos frios brancos que ganhei com o stress de mudar de país...e agora???faz o que?? salão de beleza com bons profissionais? claro que tem aqui, e bastante! mas vai ver o precinho para retocar meu reflexo??!! Passa dos $100 dólares e pense gastar isso em salão de dois em dois meses num início de vida aqui, sem emprego, nada?! nem pensar....

Tentamos fazer uma experiência com minhas amigas quase profissionais Nayara e Pati, que realmente conseguiram fazer um reflexo no meu imenso cabelo, mas 1 mês depois tava lá...aquela raiz horrorosa...eu realmente precisava de uma solução rápida, prática e barata......daí resolvi cortar meu cabelo nos ombros e pintar com tinta mesmo...dei uma escurecida na peruca e acho que não ficou tão mal não, mas que dá saudades do meu cabelão loiro luminoso, isso dá!


Para cortar não é tão caro não, dizem que gasta-se uns 22 dólares mais a gorjeta, mas nós aqui estamos no esquema faça vc. mesmo, o marido comprou um kit com máquina, tesoura, etc...e cortamos o dele, ele cortou o meu (só deixei porque ele é da engenharia, profissional em medidas e super minucioso) e eu corto o do Rica, faço em etapas, um dia é a franja, outro dia corto atrás...o cabelo do pequeno tenho que cortar de 15 em 15 dias, pois cresce e cai nos olhos em pouquíssimo tempo (quem será que ele puxou???) acho mais fácil eu mesma fazer do que ver ele pular na cadeira do salão tempo todo, ficar com o cabelo torto e eu ainda ter que desembolsar uma grana 2 x no mês!


Mas para tudo tem um jeito, com boa vontade a gente consegue se arrumar direitinho aqui, ainda mais que conseguimos encontrar aqui cosméticos ótimos, de qualidade excelente e com preços bons tbm! Ir na farmácia é uma tentação, confesso que às vezes passo de olhos fechados na frente, pois se entrar já era...tem muita coisa legal para comprar aqui e que custa 1/3 do que custaria no Brasil...


Agora pinto meu cabelo sozinha em casa, todos os meses, mal cortei meu cabelo nos ombros e ele já está compridão de novo, logo vou cortar....


Sinceramente não sinto tanta falta de salão de beleza aqui, claro que numa ocasião especial seria muito bem vindo, no Natal, por exemplo...quem sabe até lá eu tiro o escorpião que mora aqui no meu bolso e vou no salão!

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Vivendo e aprendendo!

Ricardo p/ Mariane enquanto voltávamos da escola: "Mamãe, olha lá um "épouvantail"..

Mariane: "o queeee"?

Ricardo: Ali, "naquele mato" um "épouvantail"!!

Mariane (percebendo que ele estava falando em francês) : " Quoi????" Qu' est-ce que c' est?

Ricardo: " UN ÉPOUVANTAIL"!!! "En portugais, eu não sei o nome...

Mariane: Ahhh, um espantalho!! Então em francês é épouvantail! Bom saber...

Obs: Algumas palavras agora ele só sabe em francês, pelo menos consegui ensinar nesta ocasião como se chama em português...para não ficar tão chato, né?! Foi-se o tempo em que eu era a maior sabe-tudo para ele, sua fonte inesgotável de sabedoria...

Pior do que perder este posto é ainda ser corrigida pelo "professorzinho"!

mamãe é maison (on- nasal, difícil de fazer para nós latinos) e não "maisonnnn"

É mole?

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Despedidas doem!


Nas últimas semanas a nossa vida aqui foi bem agitada, dia 22 de agosto minha irmã chegou e no dia seguinte a minha mãe, durante 1 semana pude acompanhá-las em todos os passeios pela cidade e mostrar muitas coisas bonitas que nossa cidade oferece, foi minha última semana de férias e fechei com chave de ouro! Dia 30 começaram minhas aulas na Laval, mas como ainda era a primeira semana, estava tranquilo e todas as tardes eu pude tbm continuar passeando por aí, auxiliando nas compras e aproveitando o último suspiro do verão!
Foi muito bacana, num sábado viajamos a Montréal, paramos um pouco antes de chegar lá, numa cidadezinha chamada Boucherville, é onde fica um grande outlet multi marcas excelente para fazer compras, com lojas da Tommy Hilfiger, Adidas, Ikea e muitas outras...gastamos umas horinhas lá e fomos a Montréal! Bom, se deixasse poderíamos ficar o dia todo neste outlet pois vale mesmo a pena!
Não posso negar que é muito bom fugir um pouquinho da nossa realidade aqui e poder comprar o que quer, minha mãe veio disposta a nos dar muitos presentes e ela e minha irmã tbm fizeram a festa do Ricardinho que pode "lavar a égua" na loja de brinquedos,rsrsrs
Mas o mais difícil mesmo é dizer tchau, todo dia aqui em casa era aquela festa, muitas conversas, muitas risadas, refeições juntos, que nos fazem lembrar novamente o que é ter família por perto. Dia 04/09 minha irmã foi embora e a casa ficou mais triste, Rica ficou bravo, pedia para ela ficar p/ sempre, tadinho! Nesta última semana pude aproveitar mais um pouco do tempo com minha mãe, praticamente não saímos, pois choveu muito e fez frio, mas todo dia eu chegava em casa, tinha almocinho pronto e companhia para mim e Ricardo! Mas o dia 14/09 chegou e tbm chegou a hora de minha mãe partir, foi muito difícil dizer adeus e chegar em casa sem ela neste dia, foi difícil para nós três, ainda está sendo, mais por saber que tão cedo não nos veremos! Essa é a parte que pega, ficar sem saber quando será possível um novo contato físico, diferente do skype e telefone, mas a vida tem que seguir e as feridas devem sarar com o tempo, teremos que aprender a viver sem família por perto, faz parte do pacote "correr atrás dos sonhos"! Até o esquilo aqui da sacada se afeiçoou à minha mãe e vem procurá-la todos os dias, ela acostumou ele muito mal com as amêndoas....
Quanto ao meu curso na Laval, posso dizer que agora estou gostando, no início achei meio devagar, pensei em mudar de turma, fui até falar com a coordenadora do curso, pois as turmas ainda não estavam bem niveladas, muita gente na classe mal compreendendo o que a professora falava, mas depois de duas semanas os professores mudaram muita gente de nível e agora tudo está mais equilibrado, algumas aulas ainda me sinto meio entediada, pois queria mais desafio, queria falar mais, mas a única opção que tive foi mudar para turma avancé que teria aulas 2x por semana à noite, o que para mim seria impossível, pois o Richard trabalha todos os dias até as 10 da noite e não pode ficar com o Rica, mas mesmo assim, vida de universitário não é nada fácil, muitos trabalhos, deveres de casa para fazer que me demandam horas e horas do dia, a parte de gramática é bem puxada, muitos verbos diferentes daqueles que estamos acostumados a usar no dia a dia, muita redação e isso p/ mim vai ser ótimo!
Para ajudar na comunicação oral vou fazer os programas da sala de animação, onde vc. pode alguns dias da semana 1 hora por dia, conversar em francês com os quebecois que estudam lá na Laval sobre qualquer assunto, e assim treinar bem ouvido e pronúncia, pois eles estarão dispostos a corrigir os erros que estarão ouvindo! Vou começar isso na semana que vem, esta semana ainda estou desanimada com as despedidas, que, mais do que eu imaginava, doem demais!